Cotação Seguro de Vida

Olá, sou o gentil, quero conhecer um pouco de você.

É rápido, basta preencher os dados abaixo e selecionar a forma de atendimento.

Cotação Seguro Residencial

Olá, sou o gentil, quero conhecer um pouco de você.

É rápido, basta preencher os dados abaixo e selecionar a forma de atendimento.

Cotação Seguro Empresarial

Olá, sou o gentil, quero conhecer um pouco de você.

É rápido, basta preencher os dados abaixo e selecionar a forma de atendimento.

Cotação Seguro Automóvel

Olá, sou o gentil, quero conhecer um pouco de você.

É rápido, basta preencher os dados abaixo e selecionar a forma de atendimento.

Cotação Seguro Pessoal

Olá, sou o gentil, quero conhecer um pouco de você.

É rápido, basta preencher os dados abaixo e selecionar a forma de atendimento.

Fonte: Sincor-SP

Setor de seguros: resiliência e retomada de crescimento

O ano de 2021 provou que o setor de seguros está pronto para as demandas da sociedade, mantendo-se resiliente em uma época ainda influenciada pela pandemia da Covid-19
09/05/2022

O Ranking das Seguradoras é o mais tradicional estudo do Sincor-SP, bastante aguardado pelo mercado, pois serve de orientação aos corretores de seguros e ao mercado em geral sobre os caminhos do setor. O ano de 2021 provou novamente que o setor de seguros está pronto para as demandas da sociedade, mantendo-se resiliente em uma época ainda influenciada pela pandemia da Covid-19, e voltando a crescer dois dígitos.

Nosso mercado de seguros é um exemplo de recuperação no pós-pandemia. Saímos na pré-pandemia com crescimento de 12,3%, tivemos 1,3% de crescimento em 2020, e agora voltamos ao patamar pré-crise e estamos crescendo 12%. Isso é muito mais que qualquer outro setor da economia. Esse resultado muito se deve ao trabalho incansável dos corretores de seguros, que na pandemia tiveram contribuição fundamental.

Em relação aos números de 2021 apresentados neste relatório, podemos destacar a receita Total 1 (somente os produtos de riscos) que atingiu quase R$ 197 bilhões, com variação de 12,7% em relação ao ano anterior – crescimento mais favorável do que no período 2019/2020. Em 2021, a receita Total 3 (completa) ultrapassou o patamar de R$ 300 bilhões, uma variação de 12,1% em relação ao ano anterior

Em 2021, os produtos de risco tiveram uma melhor evolução. Em destaque, os seguros patrimoniais e rural. Nesse momento, em termos aproximados, os produtos de risco representam quase 60% da receita do setor e os de acumulação, 40%. É um importante direcionador para nossas investidas no setor.

Uma característica importante nos últimos 10 anos foi a perda de importância relativa do seguro de automóvel no mercado brasileiro, consequência do aumento da participação de outros produtos, um portfólio mais variado trabalhado pelas companhias e corretores. Em 2010, a sua receita era quase 30% maior do que a receita de seguros de pessoas, no ano passado, foi quase 30% menor. Em 2021, porém, o
ramo automóvel teve até uma evolução mais favorável, saindo de um patamar de receita de R$ 35 bilhões para R$ 38 bilhões, após alguns anos de estabilidade.

Os números de 2021 atestam a capacidade de inovação e dinamismo do setor, aliada à resiliência de nossa força de trabalho, tanto dos seguradores quanto dos corretores, o que nos leva a acreditar em um 2022 melhor em resultados e evolução.

Um abraço!

Boris Ber
Presidente do Sincor-SP

 

Acesse aqui o Ranking das Seguradoras 2021

Categorias: Seguros
© Gente Seguradora - 2021 - Todos os direitos reservados
Phurshell
× Como posso te ajudar?