fbpx

Trabalhe com a Gente

Olá, sou o gentil, quero conhecer um pouco de você.

É rápido, basta preencher os dados abaixo e selecionar a forma de atendimento.

Cotação Seguro de Vida

Olá, sou o gentil, quero conhecer um pouco de você.

É rápido, basta preencher os dados abaixo e selecionar a forma de atendimento.

Cotação Seguro Residencial

Olá, sou o gentil, quero conhecer um pouco de você.

É rápido, basta preencher os dados abaixo e selecionar a forma de atendimento.

Cotação Seguro Empresarial

Olá, sou o gentil, quero conhecer um pouco de você.

É rápido, basta preencher os dados abaixo e selecionar a forma de atendimento.

Cotação Seguro Automóvel

Olá, sou o gentil, quero conhecer um pouco de você.

É rápido, basta preencher os dados abaixo e selecionar a forma de atendimento.

Cotação Seguro Pessoal

Olá, sou o gentil, quero conhecer um pouco de você.

É rápido, basta preencher os dados abaixo e selecionar a forma de atendimento.

Operações Lei Seca flagram mais de mil motoristas embriagados

Da noite de sábado passado, 13, à madrugada de domingo, 14, a primeira grande mobilização nacional do Fórum…
23/01/2018

Da noite de sábado passado, 13, à madrugada de domingo, 14, a primeira grande mobilização nacional do Fórum Permanente das Operações Lei Seca abordou 10.993 motoristas, em blitzes realizadas em 17 estados do Brasil. Na ação, 1.037 motoristas apresentaram sinais de embriaguez – o equivalente 11% dos que se submeteram ao teste do bafômetro –, e foram impedidos de continuar dirigindo.

O balanço das operações foi divulgado pelo governo do Estado do Rio de Janeiro. A fiscalização contou com um efetivo de 1.936 homens e mulheres da Polícia Militar dos estados, da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e agentes de trânsito espalhados pelo Brasil. Foram feitos ao todo 9.522 testes com o etilômetro e lavrados 823 autos de infração, além de 214 prisões. Foram recolhidos 1.610 documentos, entre carteiras de motoristas e certificado de licenciamento de veículos. Mais de 626 automóveis foram removidos para depósito.

A mobilização nacional foi idealizada com o objetivo de reforçar a necessidade de mudanças de hábitos que geram maior segurança no trânsito.

Segundo ainda a nota do governo fluminense, um estudo do Centro de Pesquisa e Economia do Seguro (Cpes), da Fundação Escola Nacional de Seguros, mostrou que a Lei Seca salvou 41 mil vidas desde 2008 e poupou ao País mais de R$ 550 bilhões, em perda de produto e renda. A pesquisa recorreu a dados do Datasus e também do seguro obrigatório DPVAT.

Já dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) colocam o Brasil em quarto lugar no ranking de acidentes de trânsito nas Américas, atrás da República Dominicana, Belize e Venezuela. “São 47 mil mortos por ano no País e 400 mil com alguma sequela por causa de acidentes”, diz a nota.

De acordo com o coordenador da Operação Lei Seca do Estado do Rio de Janeiro, tenente-coronel Marco Andrade, o objetivo da ação foi chamar a atenção da sociedade para os riscos de beber e dirigir. Para ele, o trabalho repetiu o sucesso da mobilização que encerrou a Semana Nacional do Trânsito do ano passado, feita em setembro, quando foram abordados 19.328 motoristas e 2.549 tinham sinais de embriaguez. E acrescentou:

“Essa mobilização nacional ajudou a promover a conscientização dos motoristas para que todos juntos – poder público e sociedade –, numa soma de esforços, possamos reduzir os índices de violência no trânsito, que infelizmente ainda apresenta estatísticas negativas em todo o Brasil. Nosso objetivo é realizar mais ações como essa ao longo de todo o ano, integrando todas as operações do País.”

Rio de Janeiro

No estado do Rio de Janeiro, desde a criação da Operação Lei Seca, em março de 2009, foram abordados 2,7 milhões de motoristas em mais de 19 mil ações de fiscalização. As ações resultaram em 511 mil veículos multados, 99 mil rebocados, 171 mil motoristas com a CNH recolhida e 180 mil identificados com embriaguez.

Categorias: Notícias
© Gente Seguradora - 2019 - Todos os direitos reservados