Trabalhe com a Gente

Olá, sou o gentil, quero conhecer um pouco de você.

É rápido, basta preencher os dados abaixo e selecionar a forma de atendimento.

Cotação Seguro de Vida

Olá, sou o gentil, quero conhecer um pouco de você.

É rápido, basta preencher os dados abaixo e selecionar a forma de atendimento.

Cotação Seguro Residencial

Olá, sou o gentil, quero conhecer um pouco de você.

É rápido, basta preencher os dados abaixo e selecionar a forma de atendimento.

Cotação Seguro Empresarial

Olá, sou o gentil, quero conhecer um pouco de você.

É rápido, basta preencher os dados abaixo e selecionar a forma de atendimento.

Cotação Seguro Automóvel

Olá, sou o gentil, quero conhecer um pouco de você.

É rápido, basta preencher os dados abaixo e selecionar a forma de atendimento.

Cotação Seguro Pessoal

Olá, sou o gentil, quero conhecer um pouco de você.

É rápido, basta preencher os dados abaixo e selecionar a forma de atendimento.

Lei Seca flagra quase 500 motoristas embriagados

Ao reforçar as ações de fiscalização e conscientização durante o Carnaval no Rio de Janeiro, a Operação Lei Seca…
27/02/2018

Ao reforçar as ações de fiscalização e conscientização durante o Carnaval no Rio de Janeiro, a Operação Lei Seca abordou 6.134 motoristas, de sexta-feira, 9 de fevereiro, até terça-feira, 13 de fevereiro. Na ação, foram identificados 499 motoristas embriagados, o que representa 8,1% do total de abordados. Vale chamar a atenção que este número equivale quase o dobro da média de todo o ano de 2017, que foi de 4,3%.

No Carnaval do ano passado, 5.747 condutores foram abordados pela Lei Seca e 451 apresentavam sinais de embriaguez, o que representou 7,8% do número total.

“O nosso planejamento foi muito intenso para as festas de carnaval deste ano porque, historicamente, o carnaval sempre se apresenta como um período em que o número de acidentes aumenta e o número de mortes no Brasil sobe significativamente. Os estudos apontam, pelo menos, 30%”, disse à Agência Brasil o coordenador da Operação Lei Seca no Rio de Janeiro, tenente-coronel Marco Andrade.

Para ele, o percentual de motoristas com sinais de alcoolemia ainda preocupa e é por isso que a Lei Seca é incansável na missão diária de proteger e salvar vidas. Este ano o número de motoristas embriagados foi um pouco maior que no ano passado. “Infelizmente – acrescentou – o período de Carnaval é crítico e ainda registra um aumento de acidentes de trânsito em consequência do consumo de bebida alcoólica. Por isso, continuamos insistentemente pedindo à população que: Nunca dirija depois de beber!”.

Este ano agentes da Lei Seca estiveram na Marques de Sapucaí (Sambódromo) nos quatro dias de desfile e realizaram 143 testes do bafômetro nos motoristas dos carros alegóricos antes de entrarem na passarela do samba, a fim de prevenir possíveis acidentes. Todos os testes deram negativo para a ingestão de bebida alcoólica.

O esquema especial da Lei Seca este ano contou com todo o efetivo de 250 agentes nas ruas, em 75 ações diurnas e noturnas em todo o Estado do Rio de Janeiro.

Categorias: Notícias
© Gente Seguradora - 2019 - Todos os direitos reservados
Phurshell
× Como posso te ajudar?